22/01/14

Vamos lá começar a fazer dieta!

Dieta!

Uma das resoluções de 2014 foi perder uns quilinhos.É importante sentir-nos bem com o corpo que temos, nestes últimos meses já não estava muito satisfeita com isso, por diversas razões o peso teimou em não descer e chegou a hora de tomar conta do assunto. Tornei ao acompanhamento com a nutricionista há quase duas semanas e por cá ando a seguir os planos alimentares recomendados.
Não sou a favor de dietas malucas e rápidas, acredito sim, em comer de forma equilibrada, nas quantidades certas e variedade adequada. É por isso que gosto de manter as visitas à nutricionista, para seguir os planos de forma controlada e "ser controlada".

Digamos que fazer dieta quando se tem tem um blog e se gosta mesmo é de coisas doces e boas, é um verdadeiro tormento!! Mas acho que vou conseguir. O meu objectivo principal está traçado e a primeira semana correu muito bem, fiquei muito contente quando vi que o ponteiro da balança já tinha começado a descer.

Vou partilhar convosco algumas das regras, planos e dicas que vou recebendo, coleccionando e praticando. Assim que que puder e que tiver algumas das minhas receitas apresentáveis, coloco aqui também. Por estes dias, todas as refeições têm sido feitas de acordo com os planos alimentares e ainda não tive oportunidade de fotografar, mas desde já prometido!

E agora, passemos então aos alimentos a ter em conta num plano de dieta:

Alimentos importantes:
- carnes magras, limpas de peles e gordura
- carnes brancas
- pescado magro
- pescado gordo, duas vezes por semana
- queijos e outros produtos lácteos magros
- hortaliças e legumes
- leguminosas secas - feijão, grão, lentilhas, quinoa (apenas ao almoço)
- leguminosas frescas - ervilhas e favas (também ao almoço)
- fruta fresca (até 3 peças / dia)*
- pão (preferencialmente de mistura, sementes, centeio)*
- água (1,5l / dia)
- ervas aromáticas e especiarias
- sementes: goji, chia, linhaça

Alimentos proibidos:
- açúcar
- mel, geleias, compotas de fruta e marmelada (apenas permitido na versão light)
- guloseimas (rebuçados, caramelos e gomas)
- cacau e chocolate
- bolos, bolachas e outros produtos de pastelaria
- gelados e sobremesas
- cereais açúcarados
- frutas: banana, uvas, figos, melão/meloa, abacate e cocô
- frutos secos, frutos cristalizados e em calda
- azeitonas
- enchidos
- manteiga, margarina e óleo
- natas
- queijos gordos
- bebidas alcoólicas
- comida processada ou pré-confecionada
- conservas em óleo ou azeite
- molhos (sem ser molho de soja)
- refrigerantes
- sal (em quantidade elevada)

*nas quantidades prescritas. No meu caso, actualmente, posso comer pão de manhã e arroz, massa, batata ou leguminosas ao almoço, na quantidade de uma colher de servir.

Os planos ficam para o próximo post!

Espero que gostem ♥

2 comentários:

  1. Um post bastante interessante!
    Coragem e persistência, Rute.
    Vais conseguir o teu objectivo!
    Beijinhos

    Sílvia

    ResponderEliminar
  2. Força nisso Rute! É importante sentirmo-nos bem mas ir devagarinho.
    Uma vez fiz uma dieta com acompanhamento de uma nutricionista e parecia que comia mais do que o que costumo comer, mas curiosamente resultou, gradualmente perdi o peso, muito devagar mesmo, mas o certo é que nunca mais voltou! E agora como de tudo, com moderação, deixando os pecados para os domingos!
    Um beijinho.

    ResponderEliminar